quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Economia em 1 Minuto



Economia em 1 Minuto



Câmbio


Ontem o mercado tentou mostrar um pequeno alívio antes dos importantes dados dos Estados Unidos de hoje. O Renminbi e o Yuan seguem se desvalorizando e alguns researches apontam que autoridades chinesas teriam um pouco mais de leniência com essa depreciação pelo menos enquanto a economia local não apresentar melhora. Além disso, hoje, espera-se que os dados nos EUA venham com uma moderada força. Com isso o dólar acorda mais uma vez subindo principalmente contra os emergentes e contra as moedas de commodities. As tensões no Oriente Médio e agora na Coréia do Norte não ajudam. Por aqui o dólar conseguiu devolver parte da depreciação do dia anterior. O fato é que a balança comercial tem melhorado bastante rápido pela recessão local e pelo nível do câmbio. O que acontece é que estamos sentimos os benefícios que o cambio flutuante traz, trazendo algum colchão para a inflação quando o país está bem, e agora algum colchão de atividade e dólar quando está mal. Este mecanismo, porém, é apenas uma consequência, ou seja ele está apenas ativo porque, exatamente, o país não está muito bem e claro, não deve inspirar novas compras de Real no longo prazo

Juros


Ontem foi um dia de forte rally nos mercados locais, com títulos públicos longos e pré-fixados bastante demandados. A autonomia do banco central continua sendo assunto na mídia e motivo de especulação quanto aos próximos passos da política monetária. Hoje a curva abre o dia com leve alta devolvendo parcialmente a melhora de ontem. Com moedas sofrendo ao redor do mundo, acredita-se que essa seja a tendência, mesmo com as taxas ao redor do mundo em queda nessa manhã.

Commodities


Ontem o petróleo teve um dia de queda. O mercado mostrou-se desapontado com o limitada reação após o agravamento do conflito entre Arábia Saudita e Irã. O potencial de ganhos limtados reforçou o sentimento de baixa no mercado. O dólar mais forte também foi apontado como outro fator para a queda. Se as tensões no Oriente Médio não escalarem o mercado, a atenção torna para os dados semanais de estoques americanos, hoje na parte da tarde teremos o número oficial do DoE. Os metais básicos recuperaram-se da queda de segunda-feira com o governo Chinês anunciando uma série de medidas para acalmar o mercado de ações e injetar liquidez contendo a queda do yuan. Os Grãos fecharam em leve alta com a cobertura de posição vendidas. No Milho BM&F, forte alta. O cambio desvalorizado favorece o cenário altista.






Mais informações em...





Links


Sanderlei Silveira

Obra completa de Machado de Assis

Machado de Assis - Dom Casmurro

Machado de Assis - Quincas Borba

Machado de Assis - Memórias Póstumas de Brás Cubas

O Diário de Anne Frank

Educação Infantil

Bíblia Online

História e Geografia

Casa do Sorvete

Sanderlei Silveira

Conheça seu Estado - História e Geografia

Poesia em Português, Inglês, Espanhol e Francês

História e Geografia

Educação



Agenda Econômica / Expectativas para o dia


Agenda EconômicaExpectativaDivulgado
EUA: ADP Variação setor empregos (Dec)198k-
EUA: Balança Comercial$44.00B-
EUA: MBA - Solicitações de empréstimos hipotecários (Jan1)--
Expectativas para o dia
Dólar                                              Alta
Juros em R$                                  Alta
Commodities                                     -
Moedas / USDCotação∆ 1 dia
BRL4,040,75%
EUR1,07-0,05%
GBP1,46-0,18%
JPY118,35-0,60%
AUD0,71-1,24%
MXN17,470,74%
DXY99,440,04%
CommoditiesPreço∆ 1 dia
Petróleo WTI (US$/bbl)35,06-2,53%
Ouro NYMEX (US$/oz)1085,100,62%
Alumínio LME (US$/ton)1471,000,00%
Cobre LME (US$/ton)4640,000,00%
Açúcar ICE (US$ cents/lb)14,55-0,14%
Café BM&F (US$/saca)150,150,00%
Soja CBOT (US$ cents/bu)853,25-0,47%
Algodão ICE (US$ cents/lb)62,40-0,45%

Bolsas Brasil, EUA e EuropaPontos∆ 1 dia
Ibovespa Futuro (Brasil)42140-1,67%
S&P Futuro (EUA)1979-1,65%
DAX (Alemanha)10142-1,63%
CAC 40 (França)4465-1,60%
FTSE 100 (Inglaterra)6048-1,45%
Bolsas Ásia - FechamentoPontos∆ 1 dia
Nikkei 225 (Japão)18191-0,99%
CSI 300 (China)35401,75%
Hang Seng (Hong Kong)20981-0,98%





Nenhum comentário:

Postar um comentário